domingo, 22 de outubro de 2017

Astronauta – Magnetar

Astronauta – Magnetar

Olá Quadrinheiro.

downloadTem uma linha de publicações da Panini e da Maurício de Sousa Produções que é chamada de Graphic MSP. Não sei se todo mundo conhece, mas basicamente ele convida artistas diversos para produzir Graphic Novels com seus personagens. Eu acho a idéia simplesmente genial ! Acho que todo mundo hoje, todo jovem e até alguns adultos com mais de 50 anos, conhece e cresceu lendo a turma da Monica. Então, é natural que pra todo artista brasileiro estes personagens sejam referencia. Pra muitos, o primeiro contato com quadrinhos, quiça onde aprenderam a ler.

Quando eu soube deste lançamento eu me balancei comprei alguns. O primeiro que eu li foi “Pavor Espaciar” do Chico Bento ( leia aqui a resenha ). Agora venho te falar da excelente MAGNETAR, estrelada pelo Astronauta.

gmsp1A gente cresce lendo a turminha principal. É normal a gente ler a Monica, Cebolinha, Cascão e Magali. Depois tem os personagens mais eventuais, como Franjinha, Bidu e demais co-adjuvantes. Com alguma sorte, sempre tem alguma do Bugu, Louco, Mingau, turma do Penadinho e do Astronauta. O Astronauta foi a resposta do Maurício de Sousa nos anos 60 aos quadrinhos de ação americanos, e também uma forma de poder expressar pensamentos filosóficos enquanto seu explorador singrava o espaço infinito em busca de aventuras, ao mesmo tempo que sentia uma saudade danada de casa. Enquanto ele poderia expressar os pensamentos mais profundos através do dinossaurinho Horácio, era através do Astronauta Pereira, membro da BRASA ( Brasileiros Astronautas ), ele ele filosofava sobre a vida e motivações para se manter focado perante a solidão.

Sem títulogrt2Magnetar é um pouco disso também, é a releitura de Danilo Beyruth sobre um herói que singra o espaço solitário e acaba se vendo preso a um mundo inóspito, cujas comunicações não conseguem escapar ao campo magnético fortíssimo. Ao mesmo tempo que tem aquela referencia ao Astronauta original, Beyruth solta a criatividade e converte nosso herói brasileiro em um típico quadrinho estilo americano, adulto, profundo, questionador, sobrevivente. É muito bem produzida, bem desenhada, com texto muito bem escrito. Uma HQ que consegue te deixar desesperado e mesmo sabendo que o herói deve sobreviver ao final do livro, você fica o tempo todo com medo de que ele não consiga. Porque tudo é no limite da sobrevivência.

E a vida é frágil demais. Se aqui dentro do nosso ecossistema já é deste jeito, imagine no espaço ? Onde qualquer erro é totalmente fatal. Isso tudo é aliado à conceitos pseudo-científicos deliciosos que servem de pano de fundo apenas para levar o leitor  a questionar dentro de si mesmo o que faria no lugar do “naufragado” explorador que deixou-se levar pelo maravilhamento de um magnetar

Danilo Beyruth - Astronauta, Magnetar 2Magnetar é sobre solidão, sobre naufrágio, sobre como se virar pra sobreviver e escapar. Sobre entender seus valores, buscar dentro de si uma razão pra não se entregar. Encontrar razões que façam valer o esforço de não apenas permitir o cessar da sua vida, da sua existência. O resgate do “eu” mais íntimo de uma pessoa, em seu entendimento. Quando todo o esforço pra viver se torna tão grande que é preciso encontrar no âmago de sua alma a resposta da pergunta: ” O que poderia fazer valer todo o trabalho e esforço necessários pra eu sair daqui ?”. Quando se está sozinho, a mente é a única companhia. E a mente criativa pode ser um grande monstro dependendo da sua tendência psicológica. Lutar contra a loucura e o desespero é o que faz o mais equilibrado dos humanos ser colocado a prova.

Magnetar de Danilo Beyruth é isso. Isso e mais um pouco.

Recomendo a leitura.

Abraços do Quadrinheiro Véio !

Magnetar4-660x322

About The Author

Sou um leitor de Quadrinhos e fã de cinema desde que me entendo por gente. Minha primeira "revistinha" ganhei da minha mãe em 1983 e desde então não parei mais de ler. Portanto este é um blog de um cara que começou a ler HQs há mais de 30 anos e continua apaixonado por este universo !

Related posts

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *