sexta-feira, 22 de junho de 2018

Os Supremos : Super-Humano

Hoje escreverei sobre os Supremos.
SupremosPelo que eu entendi, os Supremos são os Vingadores num Universo paralelo da Marvel, que foi criado e lançado em  2002. Neste universo paralelo, conhecido como Universo Ultimate, vemos os heróis um pouco mudados, com comportamentos mais “humanos”, com o objetivo marqueteiro de atualizar os personagens da década de 60.

Supremos - Salvat

Estou colecionando as Graphic Novels da Salvat e acabei de ler esta edição.
Particularmente eu gostei muito da história que eu lí. Não sou especialista nestas histórias mais novas. Como Quadrinheiro Véio, ( leio desde 1983, quando tinha lá meus 7 anos… ) tenho um perfil meio conservador. Claro que eu sei que nunca a minha percepção mais ingênua e infantil será repetida nos dias de hoje, mas sei também que muito dos valores que os quadrinhos visavam passar se perderam nesta modernização dos tempos. As vezes penso que a tecnologia é que deveria evoluir e nós deveríamos manter alguns valores originais positivos. Mas, enfim, opiniões de um leitor antigo, que é o propósito deste blog.
O visual dos personagens foi alterado, não muito, mas foi. Alguns a gente até se acostuma, outros percebemos pouco… Como o Homem de Ferro, que está com uma armadura um tanto diferente. Só que o Homem de Ferro vive mudando de armadura. Praticamente todo novo desenhista inventa uma nova. As vezes acho que as pessoas não sabem a diferença entre antigo e clássico. E pra mim, a Clássica é a melhor. Porém como o lance dele é tecnologia a gente até entende este monte de atualizações. Surpresa é ele não mudar de armadura a cada página, né ? Enfim.
Capitão está bacana, não gosto daquela calça que faz parece calça de cintura alta, mas a gente acostuma. Já o Thor, eu até curti este lance dele mais Hippie, ecologista, etc… o que faz sentido mesmo já que é um deus com poderes de ordem climática, mas o martelo novo dele, com um lado machado ficou ridículo. Sério, na boa… como engolir isso ? Mais uma vez o lance do clássico x antigo. Não se muda um ícone. Mjolnir não precisava atualizar. Mas é a minha opinião, ok ? A vespa se tornar mutante também achei digno de um tiro no rosto. Péssimo… e o que é aquilo de dizer que ela tem hábitos de insecto  ? Que nojo !

Nick x Nick

Outra besteira homérica é a mudança absurda no visual do Coronel Nick Fury… Fala sério… a vida toda com ele branco, de suíças brancas ao lado da cabeça, e de repente ele vira o Samuel L. Jackson pirata. Cara, o visual é legal, mas poderia ser outro personagem. Porque mudar da água pro vinho ? Programa de cotas ? Nada mais preconceituoso do que ser obrigado a agradar a todos. A arte se perde quando é feita pra fora e não pra dentro. Quadrinhos perderam a arte quando os números começaram a ditar o rumo das histórias. Aliás, é culpa do Marketing 2.0. Em outro blog falarei sobre isso, sobre a perda de autenticidade humana. E o pior, as pessoas não querem mesmo ter pessoas autenticas no dia a dia delas, pessoas assim são imprevisíveis, mas impulsionam a humanidade. Imagina se pessoas como Steve Jobs, Michael Jackson e outros gênios fossem seguir tendencias de marketing pra criar ? Perderíamos muito… por isso que acho que o ápice humano acabou nos anos 90, como já previu Matrix.
SupremosMas, o roteiro é bom. O roteiro me impressionou um pouco e acho isso legal nos dias de hoje. Noto personagens mais humanos do que eram, e olha que o Stan Lee começou com isso de humanizar heróis quando lançou Namor, Homem Aranha e cia. Esta foi a grande sacada dele, aproximar os heróis de nós, meros mortais. Porém ao ler os Supremos cheguei a me desesperar com eles, a ficar com medo do Hulk, a perceber a fragilidade de uma pessoa como Bruce Banner ao ser exposto ao que ele foi. Ao ver a perda de controle do Pym quando atacou a vespa por ciúmes e quase a matou. Acho que a renovação trazendo personagens mais humanos, com vida pessoal interferindo na vida heróica foi uma sacada muito boa. Também acho muito divertida as referências ao cinema a até a editora rival. A passagem em que o Jarvis desmarca um encontro com o Alfred é impagável. E por este motivo, vale a leitura. Espero ter mais surpresas assim nesta coleção da Salvat.

DVDs Supremos

Este universo Ultimate também lançou mais personagens, como o Homem-aranha, Quarteto Fantástico, X-Men e etc… mas não adianta, não pegou. Também lançaram dois desenhos em DVD dos Supremos. Assisti os desenhos a uns anos, e até gostei. São bons roteiros, misturam um pouco de Ultimate com a série regular e o resultado é até legal. Mostra a origem nova desta equipe que foi B a vida inteira até o filme do Homem de Ferro lançar moda e os heróis mais B dos quadrinhos virarem mania pra uma população que, em uma parte, nem sabia da existência deles. Bom pros cofres da Marvel.
Abraços do ranzinza, oops, digo, Quadrinheiro Velho.

About The Author

Related posts