Star Wars – O Clamor das Sombras – Darth Vader

Star Wars – O Clamor das Sombras – Darth Vader

Olá Quadrinheiro.

Recebi de presente de um inscrito do canal a revista Star Wars – Darth Vader e O Clamor das Sombras, uma edição legends que conta a história de um clonetrooper que se decepcionou com os Jedi e buscou ser um seguidor do então iniciante e maldoso Darth Vader.

Já vou começar dizendo que é uma das melhores histórias de quadrinhos que eu li baseadas em Guerra nas Estrelas. Eu andava bem decepcionado com o que eu andava lendo e havia um tempo que eu parei de procurar algo legal de Star Wars para ler. Quando o amigo Guilherme me enviou a revista, com Darth Vader logo na capa, uma história com o nome dele eu pensei: “Bom, é o Vader, né… vou ler.“. Pra quem não sabe, em toda a saga Star Wars, meu personagem preferido é, de longe, Darth Vader. Mesmo com toda a humanização exagerada do personagens depois das prequels, ainda continuei gostando dele. E é justamente porque esta HQ mostra o lado mais vilanesco dele que eu acredito ter gostar mais da edição. 

A história de um Clone

A princípio, imaginei que fosse uma história do Vader. Mas ao começar a ler, você percebe que é uma história com o Vader, mas contada e sob o ponto de vista de outra pessoa. Começa pouco antes do Episódio III e se extende por alguns anos depois.

A gente conhece a história, praticamente a biografia, de Hock. Um clonetrooper que lutou nas guerras clônicas e ao cai da nave de comando durante uma batalha, foi abandonado pelo seu comandante cujo nome não é citado, mas me parece Agen Kolar. Abandonado, no meio do deserto, reflete sobre sua existência, relembra seu treinamento, sua criação e resolve ser uma pessoa independente, ter mente própria, não deixar que sua origem e ausência de nome próprio o definisse. Decide ter personalidade.

Hock se salva, passa a ajudar um fazendeiro do planeta que caiu e frequenta um bar onde ouve muitas histórias. Cada vez mais alimentando seu ódio pelos Jedi, já que se sentiu traído e abandonado por eles. Entre elas se destaca sempre as histórias sobre um bravo Lord Sith chamado Darth Vader que começava a se destacar nas conquistas do Império e era um grande caçador e matador de Jedi. Hock decide que vai se unir a ele. Deixa a fazenda, corta cabelo e se alista no império. Em pouco tempo, por sua determinação e habilidade, se destaca e acaba sendo escolhido pelo próprio Darth Vader para integrar suas linhas. 

Lembrando que se trata de uma história “Legends“, ou seja, não mais cânone. Não entra como oficial na timeline Disney de Star Wars. 

A partir disso, percebemos um soldado que mais habilidoso que começa a duvidar do Império. Ele percebe que não é bem como ele imaginava. Não são os mocinhos da liberdade e paz que o discurso do Imperador dizia.

Não vou te contar o final, mas te digo que a narrativa, idéia e criatividade são muito boas e dignas de uma época em que Star Wars tinha uma outra forma de ser. Mais fiel a George Lucas, menos focada no publico Disney. E eu gostei muito de como a história caminha, como ela mostra Darth Vader como o grande vilão e cheio de ódio e total ausência de misericórdia. Aquele Darth Vader que fomos levados a crer que ele era antes de revelar seu passado, seus conflitos, sua dúvida. O vilão “preto no branco“, sem nuances de cinza. Fora que eu tenho um carinho especial pelos clones, e ter uma HQ toda de um clone é um grande prazer.

A Edição

Darth Vader – O Clamor das Sombras foi lançada no Brasil pela Panini, em um encadernado que reune as edições 1 a 5 da original Star Wars – Darth Vader and the Cry of Shadows de 2016. O nome faz sentido no final da história. O papel e capa são bons e está ao preço de R$ 18,90. Fácil de encontrar, esta edição tem roteiro de Tim Siedell que também escreveu Star Wars Darth Vader e o Nono Assassino ( publicado também pela Panini no Brasil ) e o desenho de Gabriel Guzman que tem outras publicação de Star Wars e Cable da Marvel. O desenho é competente e acerta no emocional, com ângulos ousados. Quem está acostumado a ler HQ’s de Star Wars sabe que raramente são os artistas top de linha que são selecionados para os projetos, porém O Clamor das Sombras é uma boa excessão. Cores de Michael Atiyeh fecham com nuances de profundidade sem deixa de ter os tons fortes que uma HQ pede. É uma boa arte no geral.

 

Gostei ? 

Sim, Darth Vader – O Clamor das Sombras tem o que dá de melhor de Star Wars, traz lendas, traz emoção, aventura, biografia e a reflexão sobre a ganância do poder versus a insignificância de uma existência manipulada. Tanto do clone, quanto do próprio vilão. Aqui, o vilão é o momento galático. E, como sempre em Guerra nas Estrelas, temos o grande braço forte assassino dando as caras, mas quem é o grande manipulador, que faz tudo acontecer, é o Imperador.

Recomendo a leitura.

Abraços do Quadrinheiro Véio.

Mais sobre Star Wars no canal: http://www.youtube.com/oquadrinheiroveio

Leia mais sobre Star Wars Capitã Phasma aqui no blog !

E se Star Wars VII – The Force Awakens for RUIM ?

E se Star Wars VII – The Force Awakens for RUIM ?

Pois é… a gente está com medo. Estávamos conversando e pensando sobre isso. A possibilidade existe. E não apenas a possibilidade do filme ser ruim, mas também a possibilidade da expectativa estar tão alta que o filme se torna pequeno mesmo sendo ótimo.

Assista o video e comente !

Abraços do Quadrinheiro Véio !

Video: JediCon SP 2015

JediCon SP 2015

E lá no Canal do YouTube do Quadrinheiro Véio você pode assistir AGORA mesmo o video com a cobertura do maior evento de fãs de Star Wars de SP: A JediCon SP 2015 !

Como você já deve ter lido no post anterior do blog ( se não leu, corre corrigir isso agora, clicando aqui ), a JediCon foi um sucesso, lotada. Recorde de publico e com atrações incríveis !

Assista o video, assine o canal ( www.youtube.com/oquadrinheiroveio ) e curta nossa página do FaceBook ( www.facebook.com/oquadrinheiroveio ).

E curta, compartilhe, comente… deixe seu parecer !

Você foi na JediCon ? Me conta como foi pra você !

Abraços do Quadrinheiro Véio !

Logo JediCon

JediCon SP 2015

JEDICON SP 2015

Olá !

Hoje vou falar pra você sobre como foi a JediCon SP 2015, evento que tive a felicidade de presenciar e que foi incrivel, assim como é em todos os anos. A maior JediCon SP de todos os anos !

Vou contar um pouco da minha experiência em JediCon’s. Eu entrei pro Conselho Jedi Rio de Janeiro em 1997 e quando o Conselho Jedi SP ( CJSP ) foi criado, eu nem pensei, me inscrevi na hora. Ainda em 1999 teve a primeira JediCon, evento que não pude comparecer, mas em 2.000, eu fui na JediCon Rio de Janeiro. E, cá entre nós, foi um dos maiores acontecimentos da minha vida. O Conselho Jedi não é apenas um fã-clube. É uma casa de amigos, amigos loucos que acabam se tornando a nossa família. Conheci ( e ainda conheço ) pessoas incríveis. Seres humanos que são de tal ordem de excelência que até hoje eu considero muito mais próximos do que muitos parentes de sangue, tal a afinidade e amor que existe entre os membros. Muitas pessoas foram e vieram, estiveram mais presentes ou menos presentes. Os fundadores ainda estão por aí, e a amizade sempre continua. De 2.000 pra cá, só não compareci a uma edição, que foi a de 2014, por motivo de viagem. E este ano, lá estava eu de novo.

20151012174300E as JediCon’s foram sempre muito inesquecíveis… desde as primeiras, pequenas… tendo uma ou outra edição com 2 dias, com mais ou menos lojas, com mais ou menos atrações… e até uma com um convidado internacional: Jeremy Bulloch, o Boba Fett da trilogia clássica. Não conheço adjetivos suficientes pra descrever a emoção. Pouco tempo depois de conhecer Anthony Daniels ( C3PO ) em pessoa na Star Wars Exposition Brasil, lá estava o Boba Fett, sorridente, gentil, distribuindo autógrafos, fotos e simpatia.

1A JediCon SP 2015 é o assunto de hoje. E que assunto… passei o dia todo por lá como em todos os anos. Chegando antes dos portos abrirem e ficando l até dobrar a última mesa. Toda a programação foi divertida, e duas atrações musicais roubaram a cena. Quando as pessoas entravam, logo de cara havia um mar de stands de lojas ! Muita coisa legal de Star Wars e do universo Geek em geral. Mesas e mais mesas com naves, bonecos, brinquedos, roupas, acessórios… tinha de tudo, do importado ao artesanal. Nem vou entrar no mérito de preços. Havia todo tipo de preço e produto. 

Trilha sonora dos filmes rolando alto, um clima espetacular e com um impacto tremendo !

21Já no corredor em frente, um R2D2 de verdade, andando, bipando, e posando pra fotos com todo mundo. Os olhos das crianças brilhavam ( ok… os meus também ) ao estar do lado desta figura tão icônica e amada por todo fã. Em seguida as mesas e o artista brilhante que fez a arte das camisetas deste ano presente e pintando um Darth Maul em tempo real. Técnica de lápis de cor. Eu mal sei segurar um lápis, o cara faz profundidade e textura como um mestre !

Ao fundo, mais stands e o famoso mercado das pulgas, em que os fãs podia deixar pra vender alguns itens que não quisessem mais.

No andar debaixo, expositores de Lego, esculturas e muitas outras artes, enfeitavam a JediCon com muitos, mas muitos itens incríveis de deixar colecionadores de olhos secos e arregalados ! hahahaha…

13Descendo mais um andar, chegava-se ao pátio principal. Onde a gente encontrou durante o dia todo, muitos cosplayers de tudo que é personagem que você possa imaginar. Além de muitas crianças brincando, duelando e tirando muitas fotos. Neste andar também era possível ver os stands de vários fã-clubes de amigos, como Star Trek, Thunder Cats, Doctor Who e mais alguns. Uma arena ao fundo para o pessoal fazer duelos de Sabre de luz e no canto oposto o lugar que eu mais adoro numa JediCon: O auditório !

E a programação do auditório estava muito legal ! Não vou entrar em detalhes, mas tivemos palestras ótimas, com jornalistas como o Roberto Sadovsky e o André Gordirro, falando inclusive do seu novo livro, Portas do Inferno, que eu fiquei muito curioso para ler. E logo ! ( e fazer post aqui no blog também ). Estes dois falaram muito sobre a expectativa sobre os novos filmes. Também teve palestra com o Thales do Star Wars Wiki Brasil, falando sobre o novo Cânone de Star Wars e o pessoal do Judão comentando suas expectativas sobre como ficará o mundo após o episódio VII em dezembro. O pessoal do 15
Blades com mais um capitulo de sua apresentação de sabres muito bem coreografados e o ponto alto do
evento que foi a apresetacão da STXP ( SoundTrack Experience ), onde o Geek Batera Caio Gaonae banda executaram em ritmo de rock pesado vários temas de series e filmes acompanhado de um super video bem editado no telão e a super Banda Marcial de Cubatão, que em sua 3a apresentação em uma JediCon , nos emocionou muito, mas muito mesmo com temas de Star Wars, Indiana Jones, Frozen e Rocky !! Isso sem contar a surpresa ao final quando um Jedi aproveitou para pedir a mão da namorada em casamento, em pleno palco, tendo R2D2 em pessoa trazendo as alianças. É emoção de mais ! JediCon é sempre assim.

Ao final, o concurso de cosplays com muitas crianças e 3 vencedores de cada lado da força levando presentes pra casa. Fora o super sorteio do final do evento, com muitos, muitos brindes ótimos !

JediCon é isso. E as mais de 2.500 pessoas que passaram por lá neste domingo, 11 de outubro, sabem do que estou falando.

16O Conselho Jedi SP é um grupo de fãs. A galera faz o evento todo ano, no muque. Não ganham um centavo e se preparam com meses de antecedência para que os fãs tenha uma ótima experiência. É um evento que tem como premissa ser acessível aos fãs e levar o melhor possível, porque o prêmio é sempre um: gratidão !


Mas, a real mesmo ? Reencontro ! Reencontro com amigos, que já são família. Reencontrocom a grande paixão que é Guerra nas Estrelas. Reencontro com a criança que ainda vive dentro de mim, e que nunca, nunca vai morrer, nem quando este corpo se for. Afinal, um Jedi não morre, se une a Força !

Abraços do Quadrinheiro Véio !

20151012174300

1

2

3

4

5

6

7

8

9

10

11

12

13

22

14

15

16

17

18

20

21

Procurando Defeitos na Trilogia Clássica de Star Wars

Procurando Defeitos na Trilogia Clássica de Star Wars

Olá !

E ontem, lá no Canal do YouTube, teve video novo.

Neste video, eu e o Fábio Renó tentamos encontrar falhas dos filmes clássicos de Guerra nas Estrelas. E descobrimos que é muito difícil… Veja o video e comente o que você achou ? Você acha que a Trilogia Clássica de Star Wars é livre de defeitos ?

Aproveite pra assinar nosso canal : www.youtube.com/oquadrinheiroveio

E passa na página do FaceBook e confira a promoção vigente: www.facebook.com/oquadrinheiroveio

Abraços do Quadrinheiro Véio !

Star Wars – Force Friday

Star Wars Force Friday

Já está lá no Canal do YouTube o novo video ! Desta vez eu estive em SP, no Force Friday, o evento de lançamento dos novos brinquedos de Guerra nas Estrelas ( Star Wars ), com a galerinha do Conselho Jedi SP e a Disney !

Com o lançamento do novo filme em dezembro, The Force Awakens, ou O Despertar da Força, a Disney não dorme no ponto e já começa a acabar com o nosso bolso. O evento foi bem legal, parabéns para a Disney !

Não foi falar mais nada, apenas passe lá no canal e assista !

E lembre-se de assinar para sempre ser avisado dos novos videos !

www.youtube.com/oquadrinheiroveio

www.facebook.com/oquadrinheiroveio

Abraços do Quadrinheiro Véio !

Star Wars Force Friday

Novo Teaser de Guerra nas Estrelas – O Despertar da Força ( Star Wars – The Force Awakes )

Opa ! Opa ! Opa !!!
 
Nem acredito !
Novo teaser de Guerra nas Estrelas O Despertar da Força ( Star Wars – The Force Awakes ) acabou de sair e deixou a comunidade Geek/Nerd e agora os novos Pops, crianças e até pobres quase geriatras como eu com olhos cheios de lágrimas !!
 
Assiste aqui e depois continue o post. Se você já viu, veja de novo, ué ! Este tipo de coisa a gente assiste até ficar impresso na retina.
 
 
 
Vamos aos comentários, sem pe permitem.
 
Ok, não entendo a diferença deste teaser pra um trailer. Pra mim é um trailer…
Momentos de emoção:
– Logo da Lucasfilm
– Trilha sonora tema dos sois duplos.
– Deserto de Tatooine ? Acho que sim…ou não… as coisas só tem uma sombra.
– Um Stardestroier gigantesco, e uma X-Wing caídos no meio da areia ! Sensacional !
– Voz do Luke… os arrepios começaram aí.
– Mascara do Darth Vader derretida após a pira funerária
– R2-D2 e a mão de metal do Luke
– Criança entregando o que parece ser o sabre do Vader pra quem imaginamos ser a Princesa Leia
– X-wings sobrevoando o que parece ser um lago, e gritando como o Han Solo… seria filho dele ? Ou está muito velho pra ser filho do Han, como disse meu amigo Fernando. Se sim, seria dele que o Luke esta falando que também tem a Força ?
– Stormtroopers… ( Não gosto desde sorriso nos novos capacetes… este lance de Disney parece ter influenciado já os novos designs. )
– Um Tropel em cor preta.. lindo ! Segundo o Fernando é Cromado, deve estar refletindo a escuridão em volta dele.
– A FALCON !!! Minha nave preferida de todos os tempos.
E o ponto que trouxe as lágrimas:
HAN SOLO !!! CHEWIE !!!!!!!
 
 
Sem palavras ! Sensacional !
Uhuuuuu !!!
 
Pode baixar pra voce este fundo de tela !
 
Bom, vou lá ver de novo !
 
Abraços do Quadrinheiro Véio !